Cibersegurança: Por que o tema deve entrar na agenda do escritório em 2017?

Cibersegurança: Por que o tema deve entrar na agenda do escritório em 2017?

Porém, com todo o avanço e impacto da tecnologia no setor jurídico, é fundamental que seus atores coloquem em pauta a segurança cibernética. Trata-se de um tema complexo, o qual demanda um olhar pleno sobre o ambiente organizacional, abordando temas tais como: estratégia e planejamento da empresa, gerenciamento de riscos e os aspectos humanos, normativos e políticas de segurança.

Ter clareza a respeito da importância da cibersegurança e saber por onde começar são desafios significativos para a maior parte das firmas de advocacia.

A preocupação com a confidencialidade, ou seja, a garantia de que as informações sejam acessíveis apenas àqueles autorizados a ter acesso, faz parte da realidade de qualquer escritório, não importando seu tamanho.

Estes exemplos enfatizam que os escritórios deveriam estar cientes de que são alvos de alto valor e, portanto, precisam fazer esforços adicionais a fim de aumentar sua capacidade de reagir a ataques e reduzir seu impacto.

Neste ponto, cabe considerarmos o desafio da segurança cibernética ser agravado pela condição do ambiente de trabalho no setor jurídico. Nos últimos anos, acompanhamos a migração para o espaço digital, impulsionada pela digitalização de documentos, processos eletrônicos e a certificação digital.

Apesar das vantagens tais como o ganho de produtividade no trabalho, a redução do tempo de análise dos processos, custos com manutenção, possibilidade de acesso compartilhado e o acesso mobile, vemos também, o aumento dos riscos de segurança cibernética associados às vantagens.

Desse modo, garantir a segurança cibernética é essencial para os desafios frente aos avanços tecnológicos do setor, certificando a competência e a continuidade do trabalho oferecido pelos escritórios de advocacia.

O setor jurídico é realmente um alvo?

A natureza das atividades realizadas diariamente pelo setor jurídico exige que uma grande quantidade de documentos seja criada. Arquivos PDFs, documentos Word e planilhas Excel são fundamentais para qualquer escritório de advocacia.

O desafio se intensifica pelo ambiente de trabalho dos escritórios, que exigem conexões com a Internet para acessos remotos, pesquisas, consultas e comunicação com os clientes. Consequentemente, os advogados são tentados a trabalhar utilizando conexões não protegidas, muitas vezes em dispositivos menos seguros.

A PwC, em relatório de 2011, destacou que:

Passados 6 anos, a mentalidade continua a mesma. É preciso desmontar essa lógica. Negócios pequenos não são menos suscetíveis a ataques. Agentes mal-intencionados, sejam profissionais ou amadores, estão expandindo suas visitas para além de multinacionais, incluindo nas suas listas de ataque qualquer empresa que armazena dados em formato eletrônico.

Existem alguns principais motivos que colocam os escritórios de advocacia como alvo valioso para atores maliciosos.

Para concluir, o desafio está em harmonizar as duas dimensões abordadas no texto. A primeira dimensão diz respeito aos avanços tecnológicos — da criação e compartilhamento de conhecimento e informações, e da produtividade e mobilidade no trabalho.